BLOG

Como buscar o melhor benefício depois da Reforma da Previdência?

A Reforma da Previdência já está valendo! São novas regras que devem ser atendidas para obtenção dos benefícios, salvo as regras de transição existentes.

Mas, você sabe como buscar o melhor benefício, após a publicação da nova lei? Fique atento!

Como buscar o melhor benefício depois da Reforma da Previdência?

Inicialmente, destaca-se que o próprio INSS informou que o sistema irá conceder o benefício mais vantajoso para aqueles que realizarem o pedido após a Reforma da Previdência.

O manifesto do INSS pode ser acessado aqui: encurtador.com.br/IPUVW.

Em regra, não há com o que se preocupar, considerando que, com o preenchimento dos requisitos na lei anterior, necessariamente deverão ser aplicadas as regras vigentes à época.

Tal posicionamento do INSS direciona-se na mesma linha que os tribunais do judiciário brasileiro, tendo vista que, independentemente do momento do pedido do benefício, as regras aplicáveis devem ser a mais vantajosa ao interessado, em especial, as vigentes à época do preenchimento dos requisitos.

No entanto, não são raras vezes que o INSS, mesmo através do sistema com análise automática de requisitos –, acarreta em uma decisão ou cálculo com erros. Assim, os trabalhadores precisam ficar atentos aos resultados dos pedidos, sob pena de serem prejudicados.

E como saber qual o melhor benefício?

Se você não preencheu os requisitos ainda, é importante verificar a possibilidade de você estar inserido nas regras de transição, que são diversas e dependem do seu caso em concreto. Basicamente, é preciso trabalhar um pouco mais para requerer o benefício, mas não tanto quanto prevê a nova lei. 

Vale ressaltar que o cálculo do benefício nas regras de transição seguem a lógica da Reforma, ou seja, o valor do salário benefício será de 60% da média de todos os salários de contribuição, sendo acrescidos 2% a cada ano que passar ou que exceder os 20 anos de contribuição pelo trabalhador.

Posto isso, você precisa fazer um cálculo considerando todos os salários recebidos para verificar se pedir o benefício com base nas regras de transição é mais benéfico do que esperar um pouco mais. 

Um advogado especialista poderá te orientar nessa jornada, a fim de que você planeje e obtenha o melhor benefício previdenciário!

Ainda tem dúvidas sobre o assunto? Deixe um comentário no post, entre em contato conosco pelo WhatsApp clicando aqui, ou ligando para o telefone (47) 3027-3047. Será um prazer lhe orientar!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat